Após 9 dias, acaba a greve dos trabalhadores da Construção Civil

Publicado: fevereiro 3, 2011 em Geral
Tags:, , ,

Trabalhadores permaneceram reunidos em frente ao MPT durante audiência

 Os trabalhadores da construção civil da capital decidiram ontem acabar com o movimento grevista. Os profissionais conseguiram chegar a um acordo com os empresários após a realização de duas audiências no Ministério Público do Trabalho. A última audiência foi realizada ontem quando houve consenso entre as partes. O reajuste salarial de 18,13% exigido pela categoria será pago de forma parcelada.

A audiência da última terça-feira entre o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil do Maranhão, o Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Maranhão (Sinduscon) e o Ministério Público do Trabalho, foi fundamental para o acordo. Na reunião de ontem, no entanto, foram oficializadas as propostas já acatadas em assembléias gerais das duas partes (trabalhadores e empresariado).

De acordo com o presidente do sindicato dos trabalhadores, Humberto França Melo, os valores acordados são de R$ 860,20 para oficiais, R$ 640,20 para meio-oficiais, R$ 580,80 para ajudantes e 7% para quem recebe acima dos pisos. O movimento paredista que durou nove dias, mobilizou cerca de 200 mil profissionais em todo o estado.

Com a proposta, os trabalhadores com a classificação profissional de ‘oficial’, deverão passar a receber ainda este mês (retroativo a novembro) R$ 816,20 e a partir de junho, o total de R$ 860,20; os ‘meio-oficiais’ receberão R$ 616,60 e em junho, R$ 642,40 e os profissionais com a classificação de ‘ajudantes’ devem receber R$ 585,20, valor fixado também para o mês de junho. 

Mais

 A greve dos trabalhadores da construção civil da capital durou nove dias e envolveu cerca de 200 mil trabalhadores de todo o estado, exceto os profissionais que atuam em Imperatriz e Estreito, municípios que pertencem a uma convenção própria. A partir de hoje, as principais obras imobiliárias que estavam paradas na capital, voltarão a receber atividades diárias.

Anúncios
comentários
  1. Antonio disse:

    Finalmente os trabalhadores de construção estão aprendendo a lutar pelos seus direitos um atitude que deveriam ser seguida por todos aqueles que se sentem injustiçado sobre todas as formas de injustiça por parte dos patrões.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s